quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Evocação (Marcia Kusptas)

Resultado de imagem para evocação marcia kupstas
Título:Evocação
Autora:Marcia Kusptas 
Páginas:160
Editora:Ática 

Sinopse: As férias de julho chegaram. Para Magda, é época de viajar para a praia com a avó, a irmã e os primos. Desta vez, o destino é o litoral norte de São Paulo, em uma casa ampla e afastada de qualquer agitação. Mas isso não é garantia de tranquilidade... 
  Logo que começa, o passeio se torna um desastre. Tudo por causa das atitudes infantis e da afetação de Bárbara, amiga de seus primos. Irritada, Magda decide dar um susto na garota: usando o "jogo do copo", ela finge poder se comunicar com espíritos, dentre eles o do adolescente surfista cujo túmulo tinham visto na região. Só que a brincadeira sai do controle quando todos começam a presenciar eventos sobrenaturais. 
  Assombração ou delírio? No relato de sua experiência, Magda quer destrinchar todos os acontecimentos da viagem, para tentar enfim entender tudo o que viveram lá.

A imagem pode conter: 1 pessoa, texto

RESENHA
 Tenho que admitir que demorei um bom tempo para iniciar essa leitura (pode ou não ter algo haver com o pequeno preconceito que carregava por livros nacionais, eu sei, sou ridícula), a questão é que meu primo havia me emprestado esse livro ano passado e só vim ler agora, nesse mês de janeiro de 2017, e eu preciso dizer a minha surpresa em relação a história.
  Esse foi o primeiro livro da Márcia que li e fiquei realmente feliz por tê-lo lido, quer dizer, a história deu uma reviravolta e talvez um pouco de medo (okay, eu fiquei bem assustada). O livro superou minhas expectativas 
  O livro se inicia com Magda nos explicando o porque vai escrever o seu relato, então de fato ela começa a contar como tudo começou. Era pra ser um período de férias com a família, nada fora do comum, exceto é claro pela presença não muito animadora de Bárbara, uma amiga de sua prima Jacqueline. 
  Magda logo percebe que Bárbara vai ser problema, a garota é mimada, chata, manipuladora e irritante, o atrito inicial entre as duas garotas nasce inicialmente porque Magda está enciumada (essa parte eu entendo bem), a garota surge do nada e já consegue tomar toda a sua família.
  Devo admitir que fiquei com um pouco de abuso da Bárbara (ela realmente parece com alguém que conheci quando era bem mais nova), a garota é realmente irritante e se eu estivesse no lugar da Magda teria explodido muitas e muitas vezes com ela. 
  O lance é que conflitos acabam acontecendo e Magda decide se vingar, após uma ida ao cemitério local, alguns acontecimentos levam-na a ter uma das mais brilhantes ideias para sua vingança e é ai que as coisas começam a dar errado. No começo não houve nada demais, apenas adolescentes se divertindo, mas as coisas fogem do controle e tudo desanda de forma absurda. Magda e sua irmã Magali decidem pregar uma peça em seus primos e principalmente Bárbara, juntas manipulam a tábua ouija, o famoso jogo dos espíritos e no início não há nada fora do comum, mas depois de algumas sessões e uma história bem elaborada por ambas as irmãs, coisas estranhas começam a acontecer. A raiva, o ciúme, o medo e até mesmo a inveja não são uma combinação muito boa quando o sobrenatural está envolvido e Magda vai descobrir isso da pior forma possível.
  Não sei ao certo que coisas posso revelar, tenho medo de acabar dando um spoiler e ninguém gosta disso, certo? 
  Quando o sobrenatural de fato começa a acontecer no livro, você é pega de surpresa e isso eu gostei, fiquei um pouco confusa obviamente, me perguntando quando realmente tudo começou ou o que levou aos acontecimentos, vemos um lado da história e acho que eu queria mais informação sobre o outro lado (talvez essa falta de informação tenha me decepcionado um pouco, mas não a ponto de não gostar do livro).
  O lado ruim de se ler somente livros de outros países é que quando você finalmente ler um nacional, fica difícil não visualizar um lugar fora do Brasil, mas com "Evocação" eu consegui pensar em algo bem nacional e eu gostei disso, acho que esse ano vou tentar aumentar minha estante com nacionais. 
  Espero que tenham gostado da resenha e se você já leu ou pretende ler esse livro, me deixem saber nos comentários, até o próximo post.

Bjs da Anny :*